Previous
Next

Equipamentos para pesca do Dourado: saiba como fisgar esse belo peixe

Para os amantes de uma boa pescaria esportiva em busca de bons exemplares de uma das espécies mais cobiçadas em rios brasileiros, trouxemos neste artigo algumas dicas sobre equipamentos para pesca do Dourado.

Continue lendo para saber mais!

Dourado: conheça um espécime bastante cobiçada pelos pescadores esportivos

Equipamentos para pesca do dourado

Bastante apreciado pelos amantes da pesca esportiva por causa de sua resistência e bravura quando fisgado, o Dourado, conhecido também como piraju, doirado, pirajuba ou tigre do rio, é um peixe que pertence às águas doces brasileiras.

Distribuição geográfica do Dourado

O Dourado é distribuído nas Bacias de São Francisco, Paraná, do Rio Paraíba do Sul e do Rio Doce (Estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Bahia, Pernambuco, Sergipe, Alagoas, Minas Gerais, São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná, e na região Sul do Estado de Goiás).

Basicamente, o habitat natural do Dourado são as cachoeiras, águas rápidas, e corredeiras. Ele também habita as bocas de corixos, margens de barrancos,  e galhadas no meio dos rios. Não tem costume de nadar sozinho, mas quase sempre em cardumes.

O seu tamanho em fase adulta é surpreendente. Isto é, o Dourado pode chegar a tamanho de 130 cm de comprimento, e pesar até 25kg (exemplares com esse peso e tamanho são mais raros hoje em dia).

Além de ser um peixe muito difícil de ser mantido no anzol por conta de sua rigidez bucal, o Dourado é um peixe lutador. Isto é, quando fisgado, ele costuma dar saltos para fora d´água na expectativa de se soltar da fisgada.

Pela sua obstinação e por ser um peixe de difícil penetração do anzol é que o pescador deve se atentar muito bem aos equipamentos que serão utilizados para captura do espécime. E sobre estes equipamentos que falaremos mais adiante.

Equipamentos para a pesca do Dourado: veja como fisgar um belo exemplar

Observação: na escolha dos equipamentos, lembre-se sempre que o Dourado tem uma boca difícil de ser perfurada pelo anzol, sendo a pele nessa região mais firme.

Dourados abaixo de 5 quilos: Varas de 7 a 20lb de ação rápida ou extra-rápida entre 6,5’ a 7’;

Dourados acima de 5 quilos: Varas de 25lb até 30lb ação rápida ou extra-rápida entre 6,5’ a 7’;

É fundamental que as varas sejam de ação rápida ou extra-rápida, já que o Dourados têm uma boca extremamente óssea e rígida (como já mencionado). Logo, com a vara de ação rápida, as chances de uma fisgada mais potentes e da captura serão, portanto, maiores.

Carretilhas de perfil baixo com rápido recolhimento são importantes, já que, sendo o Dourado um peixe de água rápida, o recolhimento também precisa ser rápido para acompanhar.

Linhas

Para Dourados menores: linhas multifilamentos de 30 a 40lb;

Para exemplares de maiores portes: linhas multifilamento de 40lb a 50lb;

As linhas multifilamentos são altamente resistentes para suportar a briga do Dourado assim que ele é fisgado.

  • Líder de fluorcarbono 0,60 mm a 0,80 mm para exemplares maiores;
  • Líder de fluorcarbono 0,50 mm para os peixes de menores porte.

Uma recomendação: não utilizar um cabo de aço na ponta da linha. Ao invés do cabo de aço, utilize portanto um líder de fluorcarbono mais (0,80mm). Isso porque o líder de fluorcarbono não deforma. Além disso, essa linha é muito menos visível na água, chamando menos a atenção do peixe. Com isso, o líder de fluocarbono oferece melhores resultados para o pescador.

E, dependendo da força do rio e da corredeira, um pequeno chumbinho na linha pode ser uma opção para que a isca venha mais ao fundo da água.

Anzol (um dos essenciais equipamentos para a pesca do Dourado)

Anzol circular

Alguns pescadores recomendam o anzol circular, também conhecido como circle hook, de tamanho 7/0 a 8/0. Isso porque esse material oferece, portanto, maiores chances de captura do peixe, sem machucá-lo, além de ser do tamanho ideal para o Dourado.

Anzol maruseigo

Existem também boas recomendações para o anzol maruseigo 30, de preferência com uma boa afiação, e com um bom ângulo de abertura. O anzol com estas características já será o acessório suficiente para captura de um Dourado, tendo em vista que a boca desse peixe é dura para a fisga;

  • Anzois de 5/0 a 8/0 também com uma boa afiação.

Iscas apropriadas para a pesca do Dourado

As iscas mais eficientes para conseguir fisgar um Dourado são:

  • Iscas Artificiais de Tuvira de plug de meia água e colheres, que poderão ser utilizadas no corrico (quando o barco arrasta as iscas que simulam as presas ou pequenos cardumes pela água chamando atenção do Dourado, que é um bom predador).
  • Isca Natural de Tuvira, Curimbatá, Sarapó, Piraputanga e Lambari.

Utilize preferencialmente iscas vivas, já que elas atraem mais a atenção do peixe. É importante, também, que se tenha muito cuidado ao colocar a isca viva no anzol para não matá-la. Isso porque manter a isca viva proporcionará melhores resultados de fisga para o pescador.

Agora que você já sabe como fisgar um belo exemplar de Dourado, não espere mais para fazer sua reserva em excelentes locais próximos dos rios que habitam esses espécimes. Para isso, temos uma excelente novidade para você!

Veja nesse link como fazer uma boa pescaria na Bolívia, e confira os rios onde mais habitam os Dourados na divisa entre Bolívia e Brasil!

Se você gostou desse artigo, não esqueça de compartilhar essas dicas com outros amantes da pesca esportiva.

E desejamos-lhes, desde já, uma excelente pescaria!

Cote sua pescaria, aqui você paga o mesmo preço do hotel e ainda conta com vantagens.